11 ago

Investigações em torno de Jair Bolsonaro protagonizam debate semanal

Críticos de Bolsonaro reforçam expectativa pela prisão de ex-presidente

Atualizado em 17 de agosto, 2023 às 8:59 am

Suspeitas envolvendo Michelle Bolsonaro encerram semana de investigações que cercam Jair Bolsonaro

 

Principais termos do debate político semanal no X (antigo Twitter)

Período: de 07 a 11 de agosto

Fonte: X | Elaboração: FGV ECMI

 

  • Depoimento de Anderson Torres na CPMI do 08 de Janeiro e casos envolvendo joias, família Cid e Michelle Bolsonaro alimentam expectativa de prisão de Jair Bolsonaro entre governistas ao longo de toda a semana;
  • Nova operação da PF é destaque absoluto no debate político da sexta-feira: comentários sobre caso sinalizam “prisão iminente” após “casa ter caído”, em debate dominado por críticos ao ex-presidente.

 

Defesa de Consórcio Sul-Sudeste antecipa divisão eleitoral

Posts de veículos de mídia no Facebook
Período: de 04 a 11 de agosto, até 17h

 

  • Acusações de xenofobia e filiação ao bolsonarismo predominam na reação governista às declarações de Zema. Prisão de Silvinei Vasques por atuação da PRF nas eleições de 2022 também integra debate sobre divisão eleitoral;
  • Defesa comedida do governador é protagonizada por oposição. Ainda que alguns defendam união Sul-Sudeste para “derrotar o PT”, grupo se concentra em alegar distorção de entrevista e criticar Flávio Dino pela “hipocrisia” de defender Consórcio Nordeste, sinalizando que esquerda é quem fomenta a divisão regional;

 

Cúpula da Amazônia é destaque em debate sobre governo federal

 

 

  • Atuação internacional do governo na pauta ambiental voltou a ficar em destaque com realização da Cúpula da Amazônia. Discurso de Lula repercute positivamente durante encontro e volta a atrelar o governante à pauta;
  • Documento final da Cúpula, Declaração de Belém foi avaliada por ambientalistas como “insuficiente”. Em tuítes em português, ator Mark Ruffalo viraliza com críticas à falta de “metas concretas” na iniciativa liderada por Lula;
  • Em minoria no debate, oposição usa alegado “esvaziamento” de praia no rio Tapajós para acusar Lula de soberba, enquanto critica exclusão de Estados Unidos e recebimento de Nicolás Maduro. Críticas de Ruffalo também circulam.