18 set

A semana da convenção constituinte nas redes sociais (13 a 16/09)

por Espacio Público | Chile

Por Nieves Alcaíno, Manuel Arís, Guillermo Marín

Atualizado em 18 de outubro, 2021 às 10:27 am

Nesta semana, no Debate Digital, realizamos uma busca sobre o que foi discutido em relação à Convenção Constituinte e ao processo constituinte no Twitter, da segunda-feira, dia 13, até a quinta-feira, dia 16 de setembro. A conversa nas redes foi marcada pela discussão sobre os 2/3 e pelo tuíte do Presidente sobre o direito à liberdade de ensino no texto constitucional.

RESUMO

212.400 tuítes
182.300 retuítes (86%)
14.700 respostas (7%)

PALAVRAS

As palavras mais utilizadas nas publicações do Twitter nesta semana foram “chile”, “presidente” e “reglamento” (regulamento). A palavra “presidente” teve relação com um tuíte polêmico publicado por Sebastián Piñera a partir de sua conta na terça-feira, dia 14. No tuíte, se lê: “Os pais têm o dever e o direito preferencial de formar e educar aos seus filhos. O Estado deve colaborar com essa missão, mas nunca tentar substituí-los. Uma maioria da Constituinte, ao não reconhecer este direito dos pais, está prejudicando seriamente a família”.

O tuíte mencionado incomodou tanto dentro como fora da Convenção, já que, tecnicamente, não foi negado o direito dos pais educarem seus filhos; isso somente não foi incluído na lista referencial de direitos mínimos a serem discutidos na Comissão de Direitos Fundamentais de acordo com o regulamento. O tuíte foi qualificado como falso e irresponsável, e foi esclarecido que a Convenção está discutindo os regulamentos e que as discussões substantivas do texto constitucional ainda não foram iniciadas. Além disso, foi criticada a sua “falta de competência” para interferir com o trabalho da Convenção.

As respostas do conselho foram nas mesmas linhas. A Presidente Elisa Loncón disse que o comentário não era pertinente e assinalou, para esclarecer a situação, o estágio em que se encontra a Convenção. O vice-presidente, Jaime Bassa, respondeu pela mesma rede: “Sr. Presidente, por favor, não desinforme o público. A Constituinte não deu início às discussões substantivas sobre os conteúdos constitucionais. A discussão sobre o catálogo de direitos terá lugar na respectiva Comissão, conforme indicado pelo nosso Regulamento”, publicou a partir de sua conta. Já a palavra “regulamento” nas conversas no Twitter está relacionada ao voto que foi dado na Convenção sobre o tipo de quorum que foi estabelecido para aprovar o regulamento que será discutido.

HASHTAGS

Em relação às hashtags, as mais utilizadas nesta semana foram #los2terciosserespetan e #losdosterciosserespetan (respeito aos 2 terços) e # time100. A hashtag #los2terciosserespetan também está relacionada à discussão ocorrida na Convenção sobre o estabelecimento do quorum para aprovação do regulamento. A hashtag fazia parte de uma campanha de usuários criticando o processo de votação e o resultado.

Já a hashtag #time100 começou a ser usada na quarta-feira, dia 15, após o reconhecimento dado pela revista Time a Elisa Loncón como uma das 100 pessoas mais influentes de 2021.

LINHA DO TEMPO

A maior frequência de tuítes por hora foi registrada na terça-feira, dia 14, às 12:30, o que coincide com o tuíte polêmico do presidente (10:40) e às respostas que o seguiram.

TUÍTES COM MAIS RETUÍTES

Nesta semana, Daniel Jadue postou um dos tuítes mais retuitados da análise. O prefeito de Recoleta respondeu ao tuíte comentado por Sebastián Piñera sobre a liberdade de educação, e pediu a ele que deixasse a Convenção fazer seu trabalho: “Senhor Piñera, o senhor é responsável por graves violações dos direitos humanos e não tem estatura moral para falar ao Chile sobre direitos”, censurou.

Outro dos tuítes com maior número de retuítes veio da conta oficial da Convenção Constituinte (@convencioncl), no qual se esclarece uma notícia falsa que circulou na rede social sobre a entrega de gratificações para os Constituintes. A conta esclareceu que não houve benefícios dessa natureza para os membros da Convenção. Por fim, Daniel Matamala, assim como Daniel Jadue e muitos outros usuários, também respondeu ao tuíte de Sebastián Piñera. Matamala esclareceu ao presidente que sua abordagem era incorreta e que “A discussão substantiva sobre o texto constitucional ainda nem começou”.

Tuíte 1: Piñera, o senhor é responsável por graves violações dos direitos humanos e não tem estatura moral para falar ao Chile sobre direitos. Deixe que a Convenção faça o seu trabalho, esse é o desejo de todo o Chile!
Tuíte compartilhado: Os pais têm o dever e o direito preferencial de formar e educar aos seus filhos.
O Estado deve colaborar com essa missão, mas nunca tentar substituí-los.
Uma maioria da Constituinte, ao não reconhecer este direito dos pais, está prejudicando seriamente a família”.

Tuíte 2: Como Convenção Constitucional, devemos informar que são totalmente falsos os comentários que circulam nas redes sociais sobre a entrega de gratificações aos constituintes. NÃO há nenhum benefício dessa natureza.

Tuíte 3: É falso que a maioria dos constituintes “não reconhece esse direito aos pais”.
Eles estão começando agora a definir o regulamento. A discussão substantiva sobre o texto constitucional ainda nem começou.
Tuíte compartilhado: Os pais têm o dever e o direito preferencial de formar e educar aos seus filhos.
O Estado deve colaborar com essa missão, mas nunca tentar substituí-los.
Uma maioria da Constituinte, ao não reconhecer este direito dos pais, está prejudicando seriamente a família”.

ANÁLISE DE REDES E COMUNIDADES

Acompanhando os dados, nesta semana podemos ver um maior número de contas que conectam as duas comunidades. A comunidade azul ganhou força em relação à semana anterior, e a comunidade rosa mostrou-se mais dispersa. A conta de Teresa Marinovic reapareceu como uma conta influente na comunidade azul, e Jaime Bassa ocupa esse espaço na comunidade rosa.

As contas mais influentes da semana são a da constituinte Teresa Marinovic, seguida da conta do vice-presidente Jaime Bassa, da conta de José Antonio Kast e da conta da constituinte Marcela Cubillos. Elisa Loncón está em sexto lugar esta semana, atrás da conta @Mister_Wolf_0.

NOTA METODOLÓGICA

A consulta desta semana foi realizada através da seguinte busca: (constituyente OR constituyentes OR constitucional OR constitución OR constitucion OR convencion OR convención OR convencionales OR convencional) OR (#convencionconstituyente OR #convenciónconstituyente OR #convencionconstitucional OR #convenciónconstitucional OR #convencion OR #convención) -“unidad constituyente” A través de esa búsqueda buscamos filtrar las conversaciones relacionadas al proceso constituyente, eliminando las publicaciones que contengan las palabras “unidad constituyente”. Isso foi feito com o fim de filtrar as publicações relacionadas ao pacto. Buscamos dados de conversas produzidas por usuários localizados no Chile e em espanhol. A busca considerou o período de tempo entre a segunda-feira, dia 13, e a quinta-feira, dia 16 de setembro de 2021.

*A Sala de Democracia Digital é uma ação da FGV DAPP, em parceria com Animal Político, no México, Bolivia Verifica, na Bolívia, Confidencial, na Nicarágua, Chequeado, na Argentina, Espacio Público, no Chile, Linterna Verde, na Colômbia, e Ojo Público, no Peru. Nós monitoramos o debate público nas redes sociais pela América Latina.

A análise original está disponível no site do Espacio Público aqui.

Veja nossos amigos aqui porno, xnxxfr.org, xnxxyouporn, xxx, filme porno